1. Amiga mimada, erro ou guerra mundial na semente de feijão?

    Bom, eu deixei a ultima incompleta porque a família tava vindo e n dava tempo de completar nem de salvar pela metade, então deixei assim mesmo.

    Eu eu demorei pra voltar pq fiquei de ferias e desestressei, mas acabei de perceber que estava tudo apenas adormecido, tudo volta com o mínimo estimulo.

    Como já devo ter mencionado anteriormente ou não né eu sou muito _MUITO_ explosiva, e eu já estava estressada com o dado assunto há algum tempo, mas como ele não havia sido levantado, eu apenas esqueci.

    Uma das minhas melhores amigas acabou de brigar comigo por causa de algo que eu fiz. Eu admito que n foi exatamente certo, mas ela fez uma guerra mundial dentro de uma semente de feijão. E pra melhorar eu acabei jogando nela toda a minha frustração sobre as vezes anteriores que nós brigamos, sobre como eu me sinto, sobre o que eu odeio que ela faça e coisas do tipo. Não teve muita conexão com o assunto que nos fez brigar, mas eu apenas falei, e agora ela está com raiva de mim e não quer me ouvir.

    Mas ela com certeza está sendo extremamente infantil. Talvez pelo fato dos pais dela a terem mimado, ou porque ela ainda n tenha maturidade pra medir as reações (ela é mais nova que eu).

    Quaisquer que sejam os fatores e suas respectivas reações, ela continua com raiva de mim. E por isso eu estou escrevendo isso. Porque eu preciso desabafar, e assim, tenho a esperança de poder relaxar para dormir. Realmente preciso ir logo dormir, amanha eu irei resolver alguns problemas pessoais e preciso estar bem acordada.

    Enfim, já falei o que precisava. Já vou indo,

    Até o próximo post então :3

    Há 8 meses  /  0 notas

  2. Finalmente vou começar a escrever aqui.

    Provavelmente n terei data para atualizar, só vou postar algo quando realmente der vontade, até porque eu fiz esse Tumblr por mim e ninguém mais.

    Bem, é meio estranho escrever algo como uma “confissão” e n ter ninguém para confessar algo(?), por isso vou escrever como se eu estivesse conversando com alguém. Assim deve ficar mais fácil.

    Já que você é uma pessoa, vou te dar um nome… Ou não, pera. Vou te dar uma letra, é melhor. B!

    Então, B, hoje o dia n teve nada de muito maravilhoso. Eu acordei, fui fazer prova, voltei, almocei, e agora estou aqui, esperando o gabarito sair. E digitando isso, lógico.

    Vou começar a falar mais sobre mim. Tu n deves me conhecer direito né B?

    Eu sou meio estranha, costumo ter ataques quando falo sobre coisas que eu gosto, como livros e musicas. Vou me formar no curso de inglês este ano, consigo ler, ouvir, escrever e falar minimamente bem.

    Sou muito estressada, antigamente eu aguentava algumas provocações antes de explodir, mas agora a quantidade de vezes está ficando cada vez menor. Deve ser o estresse, este ano começaram as provas para a admissão em universidades publicas, e todos aqui ficam me pertubando a cada segundo para estudar. Mas pelo menos isso ja parou por enquanto.

    Eu consegui passar de ano direto, enquanto que muitos amigos/colegas de sala ficaram de recuperação em algo. Sempre tive muita facildade em aprender, e sempre tirei notas bem acima da média.

    Há 9 meses  /  0 notas

  3. Bom… Por onde começar? Talvez me apresentando.

    Eu sou uma garota, tenho 15 anos, sou brasileira, tenho descendência asiática, cabelos castanhos, sou baixinha, e sou estressada.

    Esta ultima característica foi um dos motivos deste Tumblr ser criado. Depois de mais um “não”, eu estourei. Não por fora. Por dentro.

    Não chorei (mentira, eu chorei um pouquinho, mas nada preocupante), não gritei, não fiz nada que pudesse ser considerado normal pro nível de frustração em que eu estava. Apenas assenti, me acalmei, e fui jantar.

    Ultimamente, a comida tem sido uma das únicas válvulas de escape do meu estresse. Comer me faz sentir um bem estar que não consigo alcançar no dia-a-dia. Esse é o motivo de eu estar pesando quase 7 quilos a mais do que deveria.

    O outro motivo decisivo para esse post existir, é a minha necessidade de falar com alguem sobre as minhas frustrações, sobre as coisas que me estressam, enfim, sobre tudo aqui que vai acumulando e forma o tão odiado nó na garganta.

    Amanha eu tenho aula, e n posso dormir muito tarde, é uma das ultimas revisões para o processo seletivo no qual me inscrevi. Não tenho a mínima ideia de quando vou voltar aqui com as reais intenções do Tumblr, mas não deve demorar.

    Eu sei que isso tá confuso, e estranho, mas com o tempo deve ficar melhor.

    Há 9 meses  /  0 notas